12 março 2014

Divertimento

   
Sei que a foto está meio nada a ver mas... foda-se. Eu que tirei e quero colocar e como eu mando nessa porra (mentira) vou colocar mesmo assim u_u ( Na verdade verdadeira, essa foto me remete coisas boas e animadas e tal, acho que só a mim, mas como isso é pessoal então vão ler e apreciar minha obra e não reparem nisso. Grata!)

Fico impressionada com o modo como as pessoas são diferentes e, assim como tudo nessa vida, as coisas que nos divertem, muitas vezes, não são as mesmas.
Esses dias, sai para comprar meu tênis novo. Após andar muito tempo com meu irmão, já estava sem esperança quando cheguei em uma loja e o vi. O tênis mais divertido do mundo. Como ele era!? Cheio de cores, e formas e pum e pa, muito legal.
Enfim, isso tudo foi só para introduzir o meu -hehehe- (TÃTÃTÃTÃÃÃÃ) TOP 6- TIPOS DE DIVERSÃO (sim, top 6, algum problema!?)

  1. Diversão proibida: Aquele momento em que alguém tropeça no vento, ou seja, cai de cara no chão e você não consegue conter o riso!? Você não conta pra ninguém porque sabe que não deveria rir daquilo, mas não consegue evitar porque é bom ver os outros se ferrando, daí você entra em um conflito interno enorme e começa a se sentir mal por fazer isso com seu coleguinha (só que não). Você sabe que não deveria rir, sabe que é maldade e que se fosse ao contrário não gostaria que rissem de você, mas mesmo assim continua rindo da desgraça alheia e alimentando esse ser maligno que vive em você.
  2. Diversão incompreensível- Aquele professor (na verdade todos os professores) começa a contar uma “PIADA”, e você cria uma mega expectativa, então eis que ele acaba a piada e você fica lá esperando ele terminar, sem entender que diabos têm de engraçado naquela merda, mas de repente, não mais que de repente, você começa a rir. Por que, Deus, por que!? Você sabe que não tem o menor sentido, a menor graça, mas a risada insiste em sair do seu âmago para satisfazer o professor gênio e incentivá-lo a contar mais de suas ótimas piadas.
  3. Diversão divertida (mais conhecida por mim como síndrome dos idiotas): É aquela louca, daquelas pessoas efusivas que riem de tudo e todos. Afinal, todo mundo tem aquele amigo meio mongol que sempre vai rir do clássico “PUDIM”. Seriusly!? Yees, seriusly.
  4. Diversão perigosa (mais conhecida como “The Best”)- Entrar na casa do(a) namorado(a) escondido, sair para uma festa ou show na surdina, beijar debaixo d'água (isso não é exatamente perigoso, mas deve ser muuito bom e.e). Com certeza todo mundo já passou por uma situação de tensão ou suspense e logo após, ou até mesmo durante, sentiu aquele prazer perverso (seus danadenhos). Esse caso com certeza vai virar piada.
  5. Diversão desmedida- Aquele momento que você começa a rir, e rir, e rir, e rir... ... E rir mais um pouco de algo que nem tem mais graça. Sua barriga dói, seu corpo dói, mas você continua rindo, como o idiota que é. Você não  ri mais da piada, ri da pessoa, ri de você e do quanto você é retardado por não conseguir parar de rir.
  6. Diversão constrangida- No momento mais inapropriado, tipo todo mundo levando o maior esporro e, é lógico, você vai começar a rir. Esses dias, cheguei um POUCO atrasada do intervalo e não pude mais entrar na sala, o vigilante do corredor (sim, o vigilante do corredor) começou a dar uma bronca, todo histérico, em todos nós (alunos do ENSINO MÉDIO) que havíamos nos atrasado. Não aguentei. Ri bem na cara dele e me fudi, óbvio.
...

* Tem também a diversão em fazer o bem, mas como quase ninguém tem, nem vou falar... Eu só tenho isso quando se trata de formar casais entre meus amigos, adoro juntar as pessoas (~le indireta~) :3
Mesmo que as vezes elas sejam ingratas. 

Esther Lisboa

Nenhum comentário:

Postar um comentário